Quinta-feira, 8 de Maio de 2008

A mãe de todas as rotundas

 

Muito antes da febre das rotundas que assolou o concelho e o pais nos ultimos anos, já em aguiar existia uma alma que previa o futuro, o criador do conceito, o messias da rodovia, o verdadeiro pai de todas as rotundas. Pena é que não haja uma unica referência á sua obra prima quer em publicações relacionadas com obras públicas, ou outro tipo de publicação.

 

A rotunda da Rua Padre António Maria Casquinha está para Aguiar como a rotunda do Marquês está para Lisboa. Proponho que a partir de hoje seja ponto de encontro para festejos e outros tipo de ajuntamento popular.

 

Entristece-me vê-la sozinha em decadência com cara de quem quer rebentar com o "carter" de algum automobilista distraido e sempre na esperança que algum Policia Sinaleiro lhe salte para a espinha.

 

publicado por peixebanana às 22:51
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De Matraquilho a 9 de Maio de 2008 às 00:28
Para sua informação isso não é uma rotunda, ou será que vê ai algum sinal a indicar uma rotunda?!?!? Como pesquisou tanto sobre a história de Aguiar também podia ter pesquisado sobre a história da "rotunda". Era um antigo poço que foi tapado e ficou assim. Em relação aos ajuntamentos populares, posso dizer que no passado já foi um ponto de encontro do pessoal mais novo. Antes da era dos telemóveis e dos msn's combinávamos às 21:30 no poço tapado.
No entanto também concordo que se podia fazer algo em relação à "rotunda" pois realmente pode ser perigosa para condutores menos cuidadosos.
Tem alguma proposta arquitectónica para resolver o problema?
De Psycho_Mind a 9 de Maio de 2008 às 11:41
Ainda que não esteja sinalizada como sendo rotunda é um 'marco' que parece servir para esse feito, era anteriormente um poço que existia naquele local, mas com o aparecimento de muitas estradas a entrar pelo mato a dentro teve que se tapar e que melhor ideia se não aquela. Até que está todo fofinho... mas realmente merecia outro tratamento, a idade já lhe pesa.
De José Rocha a 9 de Maio de 2008 às 14:42
Para quem não sabe essa rotunda era um poço que foi entupido a algum tempo atrás.
De Anonimo a 9 de Maio de 2008 às 17:49
Vez assim sim! E Aguiar agradece... Mas ainda podias ajudar mais... Faz um projecto alternativo, que resolva o problema! Antes que a dita coisa que de rotunda não tem nada, rebente com todos os cárteres , que por ai circulam!

De peixebanana a 9 de Maio de 2008 às 19:48
Um circulo entre cruzamentos na via publica, mesmo que não esteja sinalizado é sempre uma rotunda, no entanto poderiamos chama-la de poço o pai de todas as rotundas.

Obrigado pela vossa participação da discussão nasce a solução.
De morador a 12 de Maio de 2008 às 18:56
Da discussão pode realmente nascer a solução de algumas coisas, porque a desculpa de que "é pena que quem tenha arquitectado o bairro não se tenha lembrado de fazer alguma coisa relativa ao poço...", pois este loteamento foi da responsabilidade de particulares! Já a via pública envolvente, extra loteamento é da responsabilidade da Câmara Municipal de Viana do Alentejo e porque não da Junta de Freguesia de Aguiar (também)... E já agora na mesma zona temos um problema com os esgotos e o Verão está a chegar e a situação fica bem mais complicada com o calor... E podem até dizer que os esgotos são da responsabilidade de quem fez o loteamento, mas a construção foi licenciada e fiscalizada pela Câmara, que já recepcionou a dita há algum tempo e tanto quando me apraz saber a partir daí a Câmara é responsável pela manutenção dos mesmos. Se deixaram passar o prazo para accionar a caução é problema deles, nós queremos o problema resolvido! E só não está porque o vereador fadista, diz que ele é que sabe... Mas sabe o quê, não se vê nada... Agora até pensa que é engenheiro de obras feitas! O Sr. vereador não está habituado a falar com seres humanos e julga que ser encarregado de obras é quase o mesmo que ser engenheiro civil, mas nós por aqui somos pessoas esclarecidas e sabemos que ainda há diferenças significativas... Resolvam os problemas e não inventem desculpas, que nós sabemos muito bem que quem fiscalizou a obra tinha grandes almoços e jantares com o dono do loteamento, não queremos sequer imaginar para que fim...!!!!
De Cornudo lindo a 9 de Maio de 2008 às 21:55
é pena que quem tenha arquitectado o bairro não se tenha lembrado de fazer alguma coisa relativa ao poço...
De ANONIMO a 28 de Maio de 2008 às 16:55
JA AGORA QUEM FOI O ARTISTA QUE ARQUITECTOU O BAIRRO?SÓ POR CURIOSIDADE.
De peixebanana a 28 de Maio de 2008 às 18:20
Loteamento Arquitectura: João paulo ferreira, Arq.
Infraestruturas de Loteamento: joão paulo Ferreira, Arq.

Arquitectura e Engenharia das Habitações: Luis Pedro Morais, Arq e José Figueiredo, Eng e Ana Sampaio, Eng.
De Anónimo a 10 de Maio de 2008 às 01:54
sim isto realmente esta um must, aguiar nao merece uma rotunda mas sim um poço entulhado!!! e sem sinais pois que isso é coisa cara e nem chega a aguiar ( tambem isto aqui é terra de ninguem), fica a suguestao para pintarem as passadeiras e se calhar investir nuns sinais tambem nao era mal pensado! mexam esse rabo pois a eleiçoes tao aì!
De Aguiarense a 13 de Maio de 2008 às 20:31
Olha por causa do mexer de rabos é que isto está a miséria que se vê.
Só pensam em mexe-los para tudo, menos para cumprirem o que prometem nas campanhas todos simpáticos e sorridentes!

Mas por aqui as coisas estão a mudar... E eu até apelo aos novos moradores para se recensearem na Freguesia, para poderem votar nas próximas eleições e vão ver o resultado!

Alguns desprezam os moradores dos bairros novos, mas posso dizer que são seres humanos e alguns até são bem mais humanos que os que cresceram cá...

Parece que não os querem por cá, tem muitas ideias e agitam os aguiarenses, mas eu até convivo com alguns e gosto deles são pessoas esclarecidas, mas simples!

E eles estão connosco e não contra nós, como alguns querem fazer parecer. E até nos querem ajudar a abrir os olhos e a exigir aquilo a que Aguiar tem direito!
De xpto a 13 de Maio de 2008 às 22:03
grande peixe banana .....................
De xpto a 13 de Maio de 2008 às 22:24
Grande peixe banana, visto k tens uma boa máquina, aproveita e tira umas fotos a caixas de esgoto rebenta "carters" na rua ao pé da escola, entradas para garagens que tem inicio no meio da estrada, ..............
De r55666q a 17 de Maio de 2008 às 19:29
Para quando é que a câmara de Viana do Alentejo olha para a população de Aguiar com mais respeito?
Esta na altura das renovações !
Os representantes da nossa na Câmara e o Presidente da freguesia tem que ser pessoas mais ambiciosas !
Estamos mal servidos !
É só tacho!
Estão travar o desenvolvimento desta freguesia: NÃO À INTERESSE EM DESENVOLVER AGUIAR!
Ass: morador de aguiar

Comentar post

.Sobre um dia perfeito para os peixes banana

 

Um dia perfeito para os peixes banana é um blog sem cor, mas com opinião acerca de algumas questões que são importantes para todos nós. Não pretende fazer oposição a nada nem a ninguém, pretende apenas despertar os sentidos de quem pode fazer mais e melhor. Tem acesso livre e publicação de comentários que embora moderados são normalmente publicados na integra (a moderação serve exclusivamente para que se proteja a integridade pessoal da nossa gente).
Se pretender contactar o blog via email pode fazê-lo para peixebanana@sapo.pt e colocar as suas opiniões, duvidas ou participar no blog. Um dia perfeito para os peixes banana reserva-se no direito de publicar apenas o que acha válido para uma opinião responsável e construtiva.
A causa publica é a principal bandeira e existe para que através de uma opinião (que não passa disso mesmo), se possa debater um tema e assim adquirir conhecimento.
Quem não gosta do formato não veja, quem gosta sinta-se em casa, mas ambos são bem recebidos.
 
Um dia perfeito para os peixes banana

.pesquisar

 

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
14
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo.

 

Clarice Lispector

.arquivos

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.favoritos

. QUARTOS-CHAMBRES-ROOMS

.links

.o tempo

eztools.com

.sobre o peixe banana

.posts recentes

. ...

. retratos

. Movimento Unidos pelo Con...

. twenty three:

. Curtas

. Moderação

. Um docinho...

. Unidos Venceremos

. Apresentação do candidato

. Modern Toss

. Era uma vez...

. more wordboner

. O curso

. Projectos do Sr. Eng. Soc...

. Sim é possivél, urinar em...

. PLANO PARA SALVAR PORTUGA...

. Word Boner

. tumblr

. Para quem ainda tinha duv...

. Viana tem mais encanto na...

Alucinações

 
Um polícia reformado imagina que uma criança inglesa morreu num trágico acidente e que o corpo foi congelado ou conservado no frio pelos pais e amigos.

Um político socialista imaginou que era possível combater a corrupção neste sítio cada vez mais mal frequentado, apresentou um pacote de medidas e ficou muito desiludido quando o seu partido o atirou para o lixo e aprovou um conjunto de diplomas que vai deixar tudo como antes, o quartel-general em Abrantes. O mesmo político imagina, agora, que a corrupção está mais elevada do que nunca e fica triste porque ninguém lhe liga nenhuma.

A líder do maior partido da Oposição imagina que é possível chegar ao poder sem andar por aí em festas folclóricas, em espectáculos medíocres e chega ao ponto de dizer que vai tentar falar verdade sobre os problemas do sítio e que não se pronuncia sobre assuntos que não conhece.

Um ministro deste Governo socialista imagina-se como director comercial de uma multinacional e salta de contente sempre que assina um contrato com uma empresa qualquer. O mesmo governante imagina um dia que a crise económica, financeira e social já passou e no outro imagina que o que aí vem vai ser bem pior.

Um primeiro-ministro que os indígenas elegeram em 2005 com maioria absoluta imagina que vive num sítio maravilhoso, com uma economia pujante, com um nível de vida extraordinário, com cidadãos altamente qualificados e até imagina que Angola tem um governo fabuloso, digno dos maiores elogios, que a Líbia é dirigida por um ser normal, democrático, que até escreveu em tempos um livro que só por acaso não ganhou o Nobel da Literatura e que a Venezuela tem um presidente civilizado, com os alqueires todos no sítio e que merece ser recebido várias vezes em poucos meses com gestos de grande carinho e amizade.

Um Presidente da República imagina que os seus silêncios são mais importantes do que as suas palavras e imagina que quando discursa alguém o ouve verdadeiramente com atenção. Imagina que quando fala na necessidade de se combater a corrupção ou atacar a sério os problemas da Justiça e da Educação alguém o leva verdadeiramente a sério e vai a correr preparar mais uns diplomas para indígena ver.

A alucinação, como se vê, veio para ficar. Está a tornar-se numa pandemia. Em vez de dinheiros da Europa, o sítio precisa urgentemente de uma enorme equipa de psiquiatras que o cure da doença enquanto há tempo e esperança de cura.

António Ribeiro Ferreira
[in Correio da Manhã, 28.07.2008]

.visitantes

Web Counters
Cheap Laptop

.subscrever feeds